Marketing Médico: O Que É e Por Onde Começar (Passo a Passo)

Na pandemia de coronavírus, o marketing médico de alta qualidade tornou-se um desafio ainda maior.

Pessoas em todo o mundo são forçadas a ficar em casa para se protegerem de vírus altamente contagiosos.

Então, eles começaram a consumir mais informações online.

O hábito comum de pesquisar sintomas de doenças no Google primeiro se torna mais poderoso.

Algumas pessoas têm problemas, outras têm oportunidades.

Quer dizer, o interesse das pessoas em encontrar soluções de saúde na Internet não é ruim para quem possui escritórios, clínicas ou hospitais.

Em vez disso, eles podem se tornar seus futuros pacientes / clientes.

Para tanto, basta saber qual a melhor estratégia de marketing e seguir as regras do jogo.

Para a medicina, quais regras são mais rígidas para evitar publicidade exagerada. Este é o propósito deste conteúdo.

Marketing Médico

Para atender às necessidades de consumidores cada vez mais preocupados com a saúde, nada mais é do que aprender marketing médico de alta qualidade. Fornecerei dicas e informações valiosas.

A partir de agora, irei explicar o conceito de marketing médico, enfatizar sua importância, listar as ações a partir de onde começar e esclarecer o que você pode e não pode fazer nessa divulgação.

O que é marketing médico?

O marketing médico é um conjunto de ações que visa promover o desenvolvimento de um profissional ou empresa médica para que esta conquiste mais pacientes e aumente a receita.

Um trabalho que ajuda a aumentar a conscientização pública sobre os serviços prestados, estabelecer ou melhorar sua autoridade e ficar à frente da concorrência.

Em suma, os médicos precisam atrair mais pacientes e reter os pacientes que foram retidos por meio de estratégias de marketing bem elaboradas.

O marketing personalizado pode ajudar os médicos a atingirem seus objetivos estratégicos.

A importância do marketing médico

Muitas pessoas ainda pensam que o marketing médico é apenas uma forma de propaganda e autopromoção, o fato é que sua importância vai muito além disso.

Obviamente, ter conhecimento, formação, experiência, cuidar da própria estrutura física da clínica e prestar um atendimento impecável são essenciais.

Porém, se a base de clientes e o número de consultas não aumentam, de que adianta investir pesadamente em cursos, profissões e infraestrutura?

Essa é uma reflexão que você precisa ter em mente para entender melhor a importância do marketing médico para gerar resultados.

Por onde começar a fazer marketing médico?

Você está interessado em dar o primeiro passo na área de marketing médico e desenvolver um plano de ação para capitalizar o negócio?

Tenho algumas dicas úteis para ajudá-lo a atingir seu próximo objetivo. Vamos lá!

Conheça as determinações do Conselho Federal de Medicina (CFM)

Posso começar destacando a melhor estratégia, mas se você implementar ações que violem as diretrizes do Conselho Federal de Medicina (CFM), será inútil.

É por isso que o primeiro passo para iniciar o marketing médico de alta qualidade é entender essas regras. Essas decisões envolvem todo o trabalho dos médicos ou departamentos de saúde publicamente.

É importante entender o que são, para que você possa construir um trabalho de alta qualidade e credibilidade e evitar problemas que podem prejudicar sua reputação.

Afinal, ninguém vai encontrar um médico desaprovado pelo mercado.

2. Defina o público-alvo

Depois de entender as regras do CFM, o próximo passo é definir os dados pessoais das pessoas que comparecerão à reunião no escritório.

Para escolher quem eles serão, lembre-se que a população-alvo será afetada pelas ações planejadas.

Então, é necessário entender seus interesses, problemas e necessidades para atrair, conquistar e reter pacientes.

Minha sugestão para você é ler um artigo sobre como definir funções de negócios.

Isso ajudará a definir as operações e a comunicação com clientes atuais e potenciais.

Avalie a concorrência

Então, é hora de observar quem são os profissionais do seu segmento de mercado e área de atuação.

O que eles estão fazendo em termos de promoção, fornecimento de conteúdo e outras estratégias de marketing?

Você pode verificar se o resultado é positivo?

É muito importante realizar esse tipo de reconhecimento no local para que você possa determinar onde deseja se posicionar em relação ao jogo.

Essa também é uma forma de encontrar oportunidades para empresas diferenciadas e criar vantagens competitivas sobre elas.

Crie uma identidade visual

Para transmitir ao público a sua ideia exata do que você oferece no escritório e como ajudar essas pessoas, você precisará criar uma imagem visual clara e agradável.

Medical team desktop with doctors and medical equipment

A mesma identidade deve estar posicionada em todos os canais de comunicação para que todos saibam que esse é o seu trabalho.

Site otimizado para buscas e pronto para conversão

Como os pacientes procuram cada vez mais o “Dr. Google”, você ainda precisa se preocupar em criar um site completo. Como um cartão de visita, ele será usado como a janela do seu escritório na rede.

Para que as pessoas tenham uma boa experiência de navegação, a escolha ideal é:

  • Crie a imagem visual perfeita
  • Design de investimento harmonioso
  • Limpar informações de contato
  • Coloque todas as partes do site em uma página para atrair a atenção dos usuários
  • Otimize seu site para mecanismos de pesquisa (SEO) Ative planos de namoro online e até mesmo converse

Cadastre-se no Google Meu Negócio

Se você ainda não tem um site, ou mesmo se ainda não tem, inscreva-se no “Google Meu Negócio”.

Este é um serviço gratuito fornecido pelo próprio motor de pesquisa.

Seu objetivo é ajudar os usuários a encontrar locais onde produtos ou serviços são fornecidos em certas regiões.

Ou seja, sempre que um potencial paciente pesquisar por “clínica”, “hospital” ou mesmo uma profissão específica, o Google fará sugestões para você.

Anuncie com Google Ads

Em marketing digital, chamamos isso de link patrocinado.

Nada mais são do que anúncios pagos por profissionais ou empresas médicas, para que possam aparecer nas primeiras posições dos buscadores.

Esses anúncios giram em torno de palavras-chave, frases, URLs e informações de posicionamento específicas.

 Se inscreva em portais de busca de médico

Pesquisar portais de médicos (como Boa Consulta e Doctoralia) é muito útil para mantê-lo em contato com seus pacientes.

A boa notícia é que você pode abrir uma conta gratuita nesses portais para divulgar seu trabalho e até tirar dúvidas.

Apenas se certifique de convidar os pacientes para avaliar o seu serviço ali, para fazer com que o público confie mais nele.

Como usar as redes sociais no marketing médico

A mídia social pode e deve fazer parte de qualquer estratégia de marketing médico.

Mas atenção: lembre-se sempre de verificar as boas práticas identificadas pelo CFM para não impactar negativamente a má conduta.

Combinar? Então, vamos praticar.

Explicarei melhor a seguir como usar as principais redes sociais para o marketing médico de sucesso:

Facebook

Para aparecer na maior rede social de todos os tempos, basta criar uma página de fãs.

Este é um recurso disponibilizado pelo próprio Facebook para que marcas e empresas possam comunicar e promover produtos e serviços a potenciais clientes.

Twitter

O Twitter é conhecido pelo seu caráter dinâmico, que só permite o compartilhamento de mensagens de até 140 caracteres, sendo ideal para a divulgação de notícias e notícias em tempo real.

Você pode usar esta rede social para compartilhar links relevantes com seu público e destacar os cuidados preventivos.

Instagram

Visualmente, só com ele, o Instagram se desenvolveu tão rápido que nem deve ser considerado que ignore seu uso.

Para fazer desta rede social a sua aliada do marketing médico, por favor, destaque de forma fácil e simples fotos, vídeos, curiosidades e factos sobre doenças e tratamentos.

Só não se esqueça que para atrair seguidores, as imagens devem ser de alta qualidade.

LinkedIn

O LinkedIn é chamado de rede social corporativa e sua carga de trabalho é tão grande que você pode se conectar com pacientes e colegas de trabalho.

Este é um ótimo lugar para comunicar e promover sua marca pessoal, mostrando a melhor maneira que você conhece.

WhatsApp

Embora não seja uma rede social, mas sim uma ferramenta de comunicação, resolvi incluir o WhatsApp na lista para chamar sua atenção.

Pode e deve ser utilizado para proporcionar aos pacientes um atendimento personalizado e ainda mais perfeito.

Apenas preste atenção às regras de divulgação que se aplicam a ele.

O que estou falando a seguir é sobre essas e outras diretrizes que norteiam o marketing médico.

Regras de divulgação de marketing médico

Como mencionei, o marketing médico é regulamentado pelo Conselho Federal de Medicina.

Portanto, é necessário atuar de forma ética para que nenhum profissional ou clínica seja prejudicado.

Verifique quais regras você precisa prestar atenção para garantir um bom trabalho de marketing médico:

Regra #1 – Fotos de “antes e depois” de pacientes

A exibição de fotos de pacientes violou os regulamentos de marketing médico.

Portanto, sujeito à permissão do paciente, essa prática ainda é proibida.

Existem outras maneiras de trabalhar com seus clientes, e talvez seja melhor incentivá-los a expressar suas opiniões sobre seu serviço nas redes sociais.

Esta é uma prova social.

A prova social só vai ajudar a atrair mais e mais pacientes, abrindo caminho para o que chamamos de marketing boca a boca.

Regra #2 – Toda publicação deve ter um responsável

Para cada campanha (seja em publicidade, impressa ou digital), o médico deve ser o responsável.

Em outras palavras, todas as informações de saúde devem ter proprietários e seus respectivos números de registro e especialização.

Além de ser uma exigência do conselho, essa também é uma forma de transmitir mais credibilidade aos pacientes do outro lado da tela.

Para estar perto do consultório do médico, ele precisa sentir o que é seu, não é?

Acredito que você encontrará a melhor oportunidade para estreitar este caminho.

Regra #3 – Preço da consulta

Outra prática proibida pelo Conselho Federal de Medicina é a consulta pública de preços e formas de pagamento em quaisquer anúncios.

Pois é, em algum momento é mesmo necessário repassar o preço do serviço para o paciente, mas isso só pode ser feito quando o paciente pede para contato.

Regra #4 – Equipamentos como forma de mostrar que possui tecnologia superior

Aprendi até que, quando você gasta dinheiro com equipamentos médicos de alta qualidade, o que mais deseja é revelá-lo aos pacientes.

Esta pode parecer uma distinção válida, mas não é uma prática permitida pela Comissão Médica Federal.

Para evitar problemas, é recomendável que você escreva uma postagem no blog para mostrar que tem a estrutura necessária para melhor atender ao seu público.

Regra #5 – Propagandas sensacionalistas com uso de determinadas expressões

Você não pode usar termos como “mais eficaz” ou “melhor” em anúncios. O motivo é claro: segundo o CFM, pode ser considerada propaganda enganosa.

Tenha muito cuidado ao permitir que marcas e produtos associem seu nome à imagem de sua clínica.

Os anúncios enganosos não precisam ser direcionados especificamente para você, mas se você permitir que eles mencionem você em tais promoções, a responsabilidade será compartilhada.

Regra #6 – Garantia de resultados do tratamento

Os canais de comunicação que você utilizará em sua estratégia de marketing médico não podem ser utilizados para garantir o efeito do tratamento.

Por exemplo, o mesmo é válido para diagnósticos ou consultas via WhatsApp.

Regra #7 – Participação em anúncios

Os médicos só podem participar de anúncios de produtos, marcas, métodos ou tecnologias reconhecidas pela comunidade científica. Caso contrário, nada é feito.

Como você pode ver, o marketing médico envolve uma série de regras e medidas preventivas.

Porém, possui todas as funções disponíveis e traz médicos, clínicas e novos patamares para o mercado.

Agora você tem tudo de que precisa para investir em marketing médico para atrair e conquistar novos pacientes.

Se você tiver alguma dúvida sobre ‘marketing’ médico, compartilhe nos comentários deste artigo.

Aproveite para contar sobre suas experiências e expectativas.

E para aprender mais sobre marketing de b20.

Gostou desse post ?

Compartilhar no facebook
Share on Facebook
Compartilhar no twitter
Share on Twitter
Compartilhar no linkedin
Share on Linkdin
Compartilhar no pinterest
Share on Pinterest

Deixe um comentário